História

Acontecimentos históricos e coisas de milianos.
Tags:

Documentário da Rádio Interferência FM, 91,5 MHz, Rio de Janeiro.

Tags:

Excelente texto de Frantz Fanon sobre a rádio clandestina Voz da Argélia Livre, da Frente de Libertação Nacional, que lutou de 1954 a 1962 pela independência da Argélia. Fanon é um dos mais importantes teóricos revolucionários de todos os tempos, tendo influenciado o pensamento de brasileiros como Paulo Freire. Seu mais famoso livro é "Os condenados da terra", editado no Brasil pela UFJF.

This Is the Voice of Algeria
Frantz Fanon

From "A Dying Colonialism" first published in French in 1959 and in English in 1965
Ttranslated by Haakon Chevalier

Em 26 de janeiro de 2007 a Polícia Federal apreendeu os equipamentos da
rádio Filha da Muda e, em seguida, um processo criminal foi aberto. A
defesa ficou por conta do advogado Ariel Foina, que foi provavelmente
o primeiro defensor de uma rádio livre a colocar-se o desafio de
traduzir para a estratégia jurídica a luta das rádios livres por autonomia na comunicação.

Foina elaborou um habeas corpus afirmando que a rádio Filha da Muda
não precisava de concessão para funcionar, pois não é uma rádio
"prestadora de serviço". Uma vez que as rádios livres não se separam
de um público para servir a ele, mas são meios para a comunicação
direta entre as pessoas, como os telefones públicos, elas não estão
previstas na legislação atual, a não ser no artigo V da Constituição
que versa sobre a liberdade de expressão que, conforme a Convenção
Interamericana de Direitos Humanos (Pacto de São José da Costa Rica),
independe de permissão, autorização ou licença.

Tags:

Rizoma !

Encontrei em arquivos mortos, fosséis vivos da Rádio Livre-se e Rádio Gala. São cartazes de festas intergaláticas e fanfarras afins. Delas sairam transmissor, antena, cabos e muitas conexões.

Aproveito para compartilhar também o texto (gala xias) feito para o inédito livro_livre das rádios.

Abraços de anos luz !

Ж

Tags:

Uma ferramenta que se torna cada vez mais conhecida em Tefé, chamada Rádio Livre Xibé 106.7fm, com seu site de publicação aberta http://xibe.radiolivre.org com espaço para os movimentos culturais de juventude e levando discussão sobre mídia livre, com alternativas democráticas de comunicação.

A reflexão sobre esta forma de expressão, tem sido inspiração para pesquisadores que buscam soluções contra as formas de dominação existentes, ganhando respeito e se tornando exemplo de iniciativa comunitária autônoma, que prega a coletividade em todas as atividades exercidas por ela.

Dentro das oficinas acontecem temáticas muito interessantes como: Metareciclagem, Construção de Transmissores de Rádio, Uso do Software Livre(programas livres), Exposições de vídeos independentes, produção de impressos e silkscreen.

Ae pessoal, com alegria estamos de volta com nosso portal, quase 1 ano e meio depois que a polícia levou o servidor do saravá (http://www.sarava.org/en/node/44), o qual nos hospedava e continua nos hospedando.

Muita coisa rolou durante todo esse tempo que o site ficou fora do ar, um encontro de rádios livres em outubro de 2009 em campinas, enfim - tamo na ofensiva.

O wiki esta de volta tambem: http://wiki.radiolivre.org

O streaming voltará em breve.

E agora estamos de volta de vez - longa vida as rádios livres!!!!

NO AR, TRANSMITINDO!

Por Rodney Brocanelli

Algumas informações contidas no presente texto foram extraídas da seguinte obra:
"Rádios Livres, O Outro Lado da Voz do Brasil"
MELIANI, Marisa - São Paulo, 1995, Tese de Mestrado, ECA/USP.

Rádios comunitárias: livre para navegar nessas ondas?

Olá para todos. A temática das rádios comunitárias está voltando a ordem do dia com força total. Para quem nãosabe, esse tipo de emissora funciona sem permissão do governo federal. Em geral, possuem baixa potência de transmissão e seu alcance é restrito a um bairro ou a uma comunidade. A inspiração para o surgimento dessas rádios no Brasil foram as free radios européias, principalmente as da Inglaterra e Itália. A onda chegou timidamente por aqui nos idos da década de 70, ganhou um certo fôlego nos anos 80 e se consolidou de vez nos 90?s.

Acampamento na Muda - Encontro de Rádios Livres Carvanal 2008

Encontro de rádios livres no carnaval 2008

Ouça rádio livre

Ouça rádio livre!

Syndicate content